Saiba que o silêncio, muda a sua comunhão com Deus

Nossa sociedade ocupada e tecnologicamente conectada é avessa ao silêncio. Evitamos isso em conversas, rotulando-o de "desajeitado" e correndo para preencher o espaço com palavras. Nós evitamos isso em nossa casa, tocando música ou a TV. Em nossos carros, muitas vezes tocamos o rádio, nossos telefones ou um podcast para passar o tempo durante um trajeto. Muito raramente nós intencionalmente permitimos o silêncio em nossas vidas.

No entanto, o silêncio é uma grande parte de uma caminhada próspera com Deus. Se isso te deixa desconfortável, você não está sozinho! Estar quieto e resistir ao barulho não vem naturalmente, especialmente em nossa cultura barulhenta. Mas há alguns benefícios significativos em buscar o silêncio como disciplina cristã. Aqui estão quatro deles.

1. O silêncio requer foco. Abraçar o silêncio, força nossas mentes a lidar com aqueles pensamentos que deixamos de lado, aquelas perguntas incômodas com as quais não lidamos nas agitadas horas da vida. À medida que nossas mentes se acalmam o suficiente para se concentrar, somos mais capazes de definir nossas prioridades, meditar na Palavra de Deus e ouvir a voz de Deus a respeito de nossos relacionamentos e decisões da vida.

2. O silêncio produz repouso. Nem sempre percebemos como o barulho mentalmente exaustivo pode ser. Quando fazemos uma pausa, encontramos um nível de descanso que não sabíamos que precisávamos! A quietude da mente leva à quietude do corpo e do espírito. Mas se constantemente nos cercamos de barulho, permanecemos em estado de estresse, às vezes sem reconhecê-lo. Ao agendar horários de silêncio em nossos dias - seja por uma hora de leitura ou 15 minutos de tempo de oração -, descansamos nossas mentes e somos mais capazes de entrar no descanso espiritual que Deus promete.

3. O silêncio facilita o pensamento. Quando consumimos informações constantemente - via TV, notícias, podcasts, ligações telefônicas, redes sociais -, nunca temos tempo para processar totalmente essas informações. Cultivar os tempos de silêncio nos dá tempo para pensar sobre o que aprendemos e aplicá-lo à vida. Isso é especialmente importante em nossa caminhada com Deus! Não importa o quanto escutemos música cristã, quantos sermões ouvimos ou quantos amigos piedosos conversamos, a transformação final em nossas vidas vem do próprio Deus. Precisamos ficar quietos e ouvir por ele.

4. O silêncio nos aproxima de Deus. Nós não precisamos de silêncio a cada minuto de cada dia para estar perto de Deus. Como qualquer coisa, nós nos esforçamos para equilibrar a realidade de nossas vidas. Mas quando fazemos do silêncio uma prática regular, nossa caminhada com Deus aprofunda-se e nos aproximamos de seu coração. É no lugar quieto que conhecemos melhor a Deus, onde podemos ouvi-lo mais claramente, sem a agitação das ocupações em nossos ouvidos.

Com amor e gratidão!

0 Comentários