Meu passado precisa ir embora

Já ouviu a frase “O passado não volta mais?” Para muitas pessoas, isso não é verdade. O passado é um visitante diário, assombrando seus pensamentos e determinando o futuro. O peso de nossos pecados e experiências passadas tem o poder de limitar nosso potencial neste mundo - se permitirmos.

Para alguns, o passado mantém a nossa rejeição de viver. Para outros, é a dor do abuso. Para alguns, é simplesmente a memória de coisas ditas e feitas que enchem seu coração de arrependimento.

Nós servimos a um Deus que é maior que qualquer passado, mas muitos de nós não sabemos como deixar que Sua grandeza e poder superem o fardo que carregamos. Continuamos a caminhar pela vida sob o peso do que foi feito, recusando-se a deixar ir embora, embora seja isso que precisamos ser livres.

Se você está lutando para deixar o seu passado, ir embora aqui estão alguns passos para você vencer essa jornada.

1. Reconheça o que está prendendo você

O primeiro passo para superar o seu passado é o reconhecimento. Qual é o evento, relacionamento ou crença que atualmente está limitando você? Onde está enraizado? O que você tem medo de acontecer se você deixar isso ir?

Esta deve ser uma conversa de oração. Ao orar por meio desses pensamentos, Deus nos fará lembrar das questões centrais que você pode então entregar às mãos Dele. Isso pode ser difícil, já que você está liberando o controle para Deus. Apesar de desejarmos ser livres, muitas vezes mantemos o controle sobre o nosso passado, porque nos sentimos mais seguros em manter o fardo do que em liberá-lo. Confie em Deus. Confie em Seu amor, sabedoria e paciência com você. Ele já conhece sua história.

2. Encontre um amigo conselheiro

Aconselhamento não é apenas para pessoas "com problemas". Aconselhamento é um conceito bíblico, e na minha opinião, deve ser procurado em qualquer fase da sua vida! Um bom conselheiro ajudará a chegar à raiz do motivo pelo qual você está lutando para liberar certas partes do seu passado. Isto é especialmente importante para as vítimas de abuso, que precisam de alguém para caminhar com elas através do trauma de seu passado.

É muito importante que a pessoa que está aconselhando você possua uma cosmovisão bíblica. Eles estão dando conselhos sobre as principais decisões e padrões de pensamento da vida - áreas que precisam desesperadamente da influência de Deus para que você continue na liberdade. Busque aconselhamento através de sua igreja. Encontre alguém em quem você confie que seja espiritualmente maduro e capaz de atuar como uma figura de mentor para sua vida.

3. Torne-se consciente do seus padrões de pensamento

Satanás faz a maior parte de seu trabalho em nossas mentes. Ele não consegue ler nossos pensamentos, mas pode lançar idéias para cairmos nelas. Quando meditamos sobre os pecados e fardos do passado - o nosso ou o dos outros -, estamos dando a ele exatamente o que ele quer. O inimigo quer que sua mente esteja mais focada no passado do que em Cristo. Se ele puder manter seus pensamentos centrados na dor, ele poderá mantê-lo distraído da vitória!

Quando os pensamentos entrarem em sua mente, esteja atento a eles. Conscientemente, pergunte a si mesmo: Esse pensamento reflete o amor e a verdade de Deus ou é uma mentira do meu passado? Comprometa esse pensamento ao Senhor assim que ele vier. É assim que você luta espiritualmente e mentalmente contra o inimigo!

4. Não defina um prazo

Tal como acontece com o pecado sexual, estabelecer um prazo para a cura e a liberdade só causará frustração. Não diga: "Em três meses, quero estar neste lugar" espiritual ou emocionalmente. Deixe Deus trabalhar! A cura é um processo e a rendição não é uma decisão única.

Deixar ir embora o passado não é fácil. Mas quando você começa esta jornada e continua na fé, a liberdade que você encontrará é como nada que você tenha conhecido antes. É isso que Deus quer para você! Siga-o em sua liberdade. Ele está esperando para te ajudar.

Com amor e gratidão,

0 Comentários